Pular para o conteúdo principal

O sucesso de sua loja depende de como você cuida do seu estoque


Primeiro, precisamos saber: O que é estoque?

Estoque são todos os produtos que estão nas prateleiras em exposição para o consumidor, somados aos produtos que estão armazenados nos depósitos.

Gerenciar o estoque é organizar sua ótica de forma que tenha um o equilíbrio entre compras, armazenamento e recebimento de mercadorias.

Gestão de compras

As compras envolvem área de vendas e o estoque. As compras podem ser feitas por um profissional determinado, ou pelo próprio dono da loja. Porém, as informações referentes às compras precisam estar organizadas em um só lugar, de modo que possam ser consultadas e analisadas com rapidez e segurança, sempre que necessário.

Um bom Planejamento é muito importante para uma compra de forma eficiente, e garantir o bom funcionamento da empresa, sem prejudicar o setor financeiro.
Tomar uma boa decisão de compra significa comprar aquilo que atenda o movimento das vendas e que mantenha o seu estoque equilibrado, e para isso ter algumas atitudes simples, que irão ajudar a sua loja “embaixo da sua vista” para um Planejamento de compras que dê lucro. São 8 passos:

1º Conhecer os movimentos de vendas e de produtos - É importante ter um relatório que possibilite ter o controle rigoroso de entrada e saída de produtos do estoque, ou ao menos uma planilha de Excel, para saber quanto e quando comprar, trabalhando melhores e prazos de pagamento e datas de entrega do fornecedor.

2º Conhecer os melhores períodos de vendas por tipo de produto - Os relatórios de saída ajudam a entender qual a época em que determinado tipo de óculos vende mais (por exemplo, na volta às aulas, óculos de grau para crianças são mais vendidos e óculos de sol são mais vendidos durante o verão), se o preço de determinado material muda conforme a época, qual modelo é mais vendido, quais são os melhores datas compra de mercadoria, ou qual produto fica mais tempo no estoque. No inicio pode parecer trabalhoso, mas essas informações são de muita ajuda em todos os momentos.

3º Reposição de Estoque – a reposição de estoque envolve duas situações:

  • Reposição de estoque regular - comprar produtos básicos da loja – mas é preciso estar atento se esses produtos têm saída garantida. Para isso, é importante ter as planilhas informando a relação estoque/vendas, saber qual a quantidade mínima necessária na loja, e as épocas de maior venda (datas comemorativas como dia das mães, dia dos namorados, Natal, e outras). 
  •  Lançamentos de produtos novos e da moda – é preciso conhecer sobre as novidades do mercado, quais as tendências da moda, quais os novos materiais que surgiram, quais as cores, etc. É importante estar atento às redes sociais como instagram e facebook e às dicas de seus fornecedores para sair na frente de seus concorrentes.

 

4º Ciclo de compras - é o balanço entre o estoque e as vendas, identificando a quantidade mínima do estoque, assim, sempre que esse número for atingido, significa que é preciso fazer novas compras.

  • Ponto de atenção: estoque parado é dinheiro parado. Portanto, é preciso estabelecer a quantidade mínima no estoque, para que não faltem produtos e a quantidade máxima, de forma a não deixar produto parado.

5º Datas das compras - A periodicidade de compras depende do tipo de loja, mas normalmente elas ocorrem o ano todo.

  • Uma vez que, atualmente, os óculos são produtos muito influenciados pela moda, chegando a ser um acessório muito desejado, as compras devem ser maiores no inicio das estações.

6º Quantidade - A quantidade de produtos ideal para a ótica, deve ser a seguinte proporção de estoque: 60 a 70% feminino, 40% ou 30% masculino e 10% infantil, distribuídos entre 70 por cento de armações para óculos de grau e 30% de óculos solares. Dentro dessas quantidades, é importante diversificar o portfólio de produtos, de forma a atender todos os tipos de clientes.
Para uma ótica que está iniciando, o ideal é ter, no mínimo, 100 peças. Desta forma, seu estoque inicial seria:
    
  • 60 óculos femininos, sendo 40 armações e 20 solares
  • 30 óculos masculinos, sendo 20 armações e 10 solares
  • 10 óculos infantis – sendo 8 armações e 2 solares.


Todas essas quantidades com variedades de cores e formas.
Fornecedor de óculos no Atacado


7º Fornecedores - Fornecedores são parceiros estratégicos, e é importante descobrir aqueles que oferecem confiança, bons preços e pontualidade. Para isso, é necessário fazer uma lista com o nome do fornecedor, tipo de produto, prazos de entrega e formas de pagamento.

8º Relatório de compras: saber o que foi comprado, lançando os produtos tanto nas planilhas de controle financeiro (contas a pagar) como no estoque, com a identificação dos fornecedores, conferindo as Notas fiscais de entrada – os produtos, quantidades, valores e impostos pagos.

Esses passos simples ajudarão você a controlar melhor o estoque e ter mais lucro.

Lembre-se: Trabalhar com previsão é a melhor estratégia

Comentários

Mais Populares

Armações para óculos: diferenças entre injetadas, TR-90 e de Acetato

Qual a importância da proteção UV no óculos de sol?

CNPJ Para Ótica

Os dois grandes motivos para ter uma ótica!